CRONOLOGIA  

 
DataDescrição
0000Data a verificar: Trilha sonora para o filme "Erotique", de Ana Maria Magalhães.
05.mar.1887Nascimento de Heitor Villa-Lobos, na Rua Ipiranga, bairro de Laranjeiras, Rio de Janeiro. A mãe, Noêmia Villa-Lobos, cuidava dos filhos e da casa. O pai, Raul Villa-Lobos, era funcionário da Biblioteca Nacional e músico amador.
19.out.1913Nascimento de Vinicius de Moraes
12.dez.1915Nasce Frank Sinatra.
25.jan.1927Nascimento de Tom Jobim, na casa da Rua Conde do Bonfim 634, Tijuca, Rio de Janeiro. Filiação: Jorge Jobim e Nilza Brasileiro de Almeida Jobim.

Tom dizia que seu sobrenome era de origem francesa (Jobin), mas ele costumava brincar com este assunto. Não se pode garantir que fosse uma afirmação séria, mas é provável que seja. Seu pai, Jorge Jobim, era escritor e poeta e Nilza era professora e diretora do Colégio Brasileiro de Almeida, em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Tom tinha antepassados em Leme, no interior do Estado de S. Paulo. Das histórias e brincadeiras sobre este tema, nasceu a letra (genial) que Chico Buarque fez em homenagem ao maestro na música "Paratodos":

"O meu pai era paulista
Meu avô pernambucano
O meu bisavô mineiro
Meu tataravô baiano
Meu maestro soberano
Foi Antonio Brasileiro..."

14.fev.1927Nascimento de Newton Mendonça, na Rua Capitão Resende 78, Cachambi, Rio de Janeiro.
29.abr.1930Claus Ogerman nasce em Ratibor, Alemanha (atualmente Raciborz, Polônia)
1931A família de Tom Jobim muda-se para Ipanema.
23.fev.1931Nasce Helena, única irmã de Tom.
10.jun.1931João Gilberto Prado Pereira de Oliveira nasce em Juazeiro, Bahia, Brasil.
19.jul.1935Morte de Jorge Jobim (aos 47 anos), pai de Tom.
1937Nilza, mãe de Tom, casa-se com Celso Frota Pessoa.
1937Tom faz o curso de admissão ao ginásio no Externato Mello e Souza, em Copacabana. No fim do ano letivo, participa de um evento comemorativo dos alunos de sua turma.
1938Tom faz o exame de admissão ao ginásio e cursa a 1a. série no Externato Mello e Souza, em Copacabana. E' reprovado, e transfere-se para o Colégio Andrews.
1939Tom cursa novamente a 1a. série do curso fundamental, desta vez no Colégio Andrews, na Praia de Botafogo, Rio de Janeiro. Em 1940, faz a 2a. série.
1941Inicia estudos de piano com Hans Joachim Koellreuter.
1946Tom entra para a Faculdade de Arquitetura. Neste mesmo ano, abandona a faculdade e desiste da arquitetura.
15.out.1949Casamento de Tom e Thereza Hermanny
04.ago.1950Nasce Paulo, primeiro filho.
1952Tom começa a trabalhar na Continental Discos
1952Tom conhece Billy Blanco
1953Tom e Thereza alugam o apartamento 201 da Rua Nascimento Silva 107, em Ipanema.
abr.1953Primeira gravação de música de Tom: 'Incerteza' (Tom Jobim / Newton Mendonça). Cantor: Mauricy Moura. Disco 78 rotações, gravadora Sinter, número 0000217.
jun.1953Segunda gravação de músicas de Tom: Pensando em Você (Tom Jobim), Faz uma semana (Tom Jobim e João Stockler). Cantor: Ernani Filho. Disco 78 rotações, gravadora Sinter, número 0000236.
1954Dick Farney e Lúcio Alves gravam "Tereza da Praia", que se tornou o primeiro sucesso de Tom, em parceria com Billy Blanco.
1954Lançamento do LP "Sinfonia do Rio de Janeiro", em parceria com Billy Blanco.
1954Tom conhece Vinicius de Moraes.
1956Começa a trabalhar na Odeon, como diretor artístico.
abr.1956Início da parceria com Vinicius de Moraes. Num encontro no bar Villarino, no Rio de Janeiro, o poeta convida Tom para musicar sua peça "Orfeu da Conceição".
25.set.1956Estréia a peça "Orfeu da Conceição", em parceria com Vinicius de Moraes, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro.
1956Lançamento do LP "Orfeu da Conceição", em parceria com Vinicius de Moraes
1956Silvia Telles grava o samba-canção "Foi a Noite", parceria de Tom com Newton Mendonça.
Do outro lado do disco, um 78 rotações, Silvia gravou o samba canção "Menino", de Carlos Lyra. Na realidade, o título é "Menina", trocado por Silvia por causa do gênero masculino da letra. Mas a emenda ficou pior do que o soneto, e Silvia cantou: "O que é que seu pai vai dizer / Menino eu não presto não pra você / Eu sou coisa ruim / Será que você quer / Que falem de você também / Do jeito que falam de mim". Veja a entrevista com Carlos Lyra no site Clube do Tom para mais informações.
11.mar.1957Inicio da gravação do LP "Carícia", na gravadora Odeon. Canta: Silvia Telles. As gravações vão até 20.maio.1957.
26.ago.1957Nasce Elizabeth, segunda filha.
1958Compôs a trilha sonora para o filme "Pista de Grama", de Haroldo Costa. A música "Eu não existo sem você", de Tom e Vinicius, inédita na época, foi cantada no filme por Elizete Cardoso, com acompanhamento de João Gilberto no violão e Tom ao piano.
abr.1958LP "Canção do Amor Demais", com Elizete Cardoso interpretando canções de Tom e Vinicius de Moraes. Pela primeira vez, ouve-se a revolucionária batida de violão de João Gilberto nas faixas "Chega de Saudade" e "Outra Vez".
Este LP marca também a estréia de Tom Jobim como cantor, em disco. Junto com João Gilberto e Walter Santos, ele participa do coro na introdução de "Chega de Saudade".
1958João Gilberto grava o 78 rotações com "Desafinado" e "Chega de Saudade".
1959LP "Chega de Saudade". Intérprete: João Gilberto. Arranjos e direção musical: Antonio Carlos Jobim.
1959Silvia Telles grava o LP "Amor de gente moça", com 9 primeiras audições de Tom.
abr.1959LP "Por Toda a Minha Vida", com canções de Tom e Vinicius, interpretadas pela soprano Lenita Bruno.
17.nov.1959Morte de Heitor Villa Lobos, no Rio de Janeiro.
1960Tom é convidado pelos produtores Carlos Thiré e Walter Arruda para apresentar o programa semanal "O Bom Tom", na TV Paulista, canal 5, em S. Paulo.
1960Tom Jobim compõe "Brasília, Sinfonia da Alvorada", com Vinicius de Moraes.
22.nov.1960Newton Mendonça morre em sua casa, aos 33 anos.
1961Compôs a trilha sonora para o filme "Porto das Caixas", de Paulo Cesar Saraceni.
1962Com Vinicius de Moraes, compõe "Garota de Ipanema".
1962Tom e Thereza mudam-se para a casa da Rua Barão da Torre, em Ipanema.
1962Tom estréia como cantor, em disco. Canta "Samba de uma nota só" no LP "Herbie Mann e João Gilberto". Algumas faixas gravadas no Brasil tiveram a participação de Baden Powell. Foram usadas outras faixas de discos originais de João Gilberto na Odeon.
Neste mesmo ano, Tom Jobim cantou no show do Carnegie Hall, em New York. Há uma gravação deste concerto, mas nenhum disco foi lançado.
02.ago.1962Show no restaurante "Au Bon Gourmet", na Av. Nossa Senhora de Copacabana, Rio. Com Tom, Vinicius de Moraes, João Gilberto, e Os Cariocas. No baixo, Otávio Bailly, e na bateria, Milton Banana. Algumas músicas que viriam a ser sucesso mais tarde tiveram sua estréia neste show: "Só danço samba", de Tom e Vinicius; "Samba do Avião", de Tom; e "Garota de Ipanema", de Tom e Vinicius, que ganhou uma introdução feita especialmente para a ocasião, na forma de um diálogo cantado por Tom, Vinicius e João:
 João: "Tom e se você fizesse agora uma canção / Que possa nos dizer / Contar o que é o amor?"
Tom: "Olha Joãozinho, eu não saberia / Sem Vinicius pra fazer a poesia"
Vinicius: "Para essa canção realizar / Quem dera o João para cantar"
João: "Ah, mas quem sou eu? / Eu sou mais vocês. / Melhor se nós cantássemos os três"
Os três: "Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça..."
21.nov.1962Show da Bossa Nova no Carnegie Hall, New York. Tom viaja aos USA pela primeira vez.
1963LP "The Composer of Desafinado Plays".
1963Tom, em New York, esforça-se para gravar suas músicas nos USA.
1964LP "The Wonderful World of Antonio Carlos Jobim".
16.mai.1964Viaja para New York. Cuida de assuntos de sua editora, a Corcovado Music.
30.jul.1964Volta ao Brasil.
1964LP "Caymmi visita Tom".
dez.1964Tom viaja aos USA, para Los Angeles. Trabalha com Ray Gilbert em versões de suas músicas para inglês.
1965LP "A Certain Mr. Jobim".
30.ago.1966Tom chega a Los Angeles, California, para gravar o 1o. disco com Frank Sinatra.
19.dez.1966A cantora Silvia Telles morre em acidente de automóvel.
30.jan.1967Início da gravação do primeiro disco com Frank Sinatra: "Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim".
fev.1967Trilha sonora para o filme "Garota de Ipanema", de Leon Hirszman. As gravações incluíram três arranjos orquestrais sobre o tema musical de Garota de Ipanema.
A trilha sonora foi lançada em disco Long Play.
1968III Festival Internacional da Canção, Rio de Janeiro: "Sabiá", em parceria com Chico Buarque, tira primeiro lugar.
1969Compôs a trilha sonora para o filme "Os Aventureiros". Trilha sonora gravada em Londres, com arranjos e regência de Eumir Deodato.
1970Faz a trilha sonora do filme "Tempo de mar", dirigido por Pedro de Moraes.
1970LP "Stone Flower". Arranjos: Eumir Deodato.
1971Compôs a trilha sonora para o filme "A Casa Assassinada", dirigido por Paulo Cesar Saraceni.
1971Frank Sinatra grava o LP "Sinatra & Cia", com 5 músicas de Tom e arranjos de Eumir Deodato.
mai.1972Disco de bolso: O tom de Antonio Carlos Jobim e o tal de João Bosco. Primeira gravação de "Aguas de Março". Compacto 45 rpm , vinil, encartado no semanário O Pasquim.
1973LP "Matita Perê".
23.fev.1973Nasce Daniel, primeiro neto, filho de Paulo Jobim.
1974LP "Elis & Tom".
1974Show "Elis & Tom" no Teatro Bandeirantes em São Paulo. O maestro Leo Peracchi, convidado por Tom Jobim para dirigir a orquestra, escreve alguns arranjos ("Olha Maria" e outros), e adapta arranjos escritos por Claus Ogerman. O show era dividido em três partes: a primeira, por conta de Elis com o quinteto de Cesar Camargo Mariano; a segunda, com Tom e orquestra dirigida por Peracchi; e uma terceira, onde Tom e Elis cantavam juntos, acompanhados pelo quinteto de César Mariano e pela orquestra.
O grupo de Cesar contava com Natan Marques, violão e guitarra; Luisão no baixo; Toninho Pinheiro na bateria, e Chico Batera na percussão. Participaram da orquestra dirigida por Leo Peracchi o baixista Shoo Viana e o exímio Toninho Pinheiro, que contribuía com seu toque suave e elegante sempre que necessário.
16.out.1975Início da gravação do LP "Urubu". As gravações terminam em 23.outubro.1975.
1976Tom conhece a fotógrafa Ana Beatriz Lontra, então com 19 anos.
06.mai.1976Nasce Dora, filha de Paulo, neta de Tom.
1978Tom grava com Miucha o LP "Miucha & Antonio Carlos Jobim".
mai.1978Tom viaja com Ana Beatriz Lontra para New York, em lua de mel. Hospedam-se no Hotel Adams.
dez.1978Tom e Ana alugam a casa da Rua Peri, no Jardim Botânico, onde moram durante 6 anos.
1979Jobim grava outro LP com Miucha. Nele temos a música "Dinheiro em Penca", que dura 9:43 e tem a participação do Chico Buarque.
02.fev.1979Celso Frota Pessoa, padrasto de Tom, morre aos 68 anos.
30.out.1979Nasce João Francisco, filho de Tom e Ana Lontra Jobim.
1980LP "Terra Brasilis".
09.jul.1980Morte de Vinicius de Moraes.
1981Compôs a trilha sonora para o filme "Eu te amo", de Arnaldo Jabor.
1982Convidado por Luiz Carlos Barreto para compor a trilha do filme Gabriela, dirigido por Bruno Barreto.
1983Compõe a trilha sonora do filme "Gabriela".
1983Compôs, em parceria com Chico Buarque, a trilha sonora do filme "Para viver um grande amor", de Miguel Faria.
1984Convidado pelo diretor Marco Altberg para fazer a trilha sonora do filme "Fonte da Saudade", baseado no romance "Trilogia do Assombro", de Helena Jobim, irmã de Tom.
1984Faz a trilha sonora do filme "O tempo e o vento", baseado no romance de Érico Veríssimo.
1984Tom cria a Nova Banda, com Paulo Jobim (violão), Danilo Caymmi (flauta e voz), Jacques Morelenbaum (violoncelo), Tião Neto (baixo), Paulo Braga (bateria), e côro formado por: Ana Jobim, Elizabeth Jobim, Paula Morelenbaum, Maúcha Adnet, e Simone Caymmi.
29.mar.1985Tom e a Nova Banda apresentam-se no Carnegie Hall, New York. Dias 29 e 30 de março.
18.jul.1985Tom e a Nova Banda apresentam-se na abertura do Festival de Montreux, na Suíça. Estava prevista a participação de João Gilberto no show, mas o encontro acabou não acontecendo.
Antonio Carlos Jobim (voz, piano), Danilo Caymmi (voz, flauta), Paulo Jobim (ac, violão, DX7), Tiao Neto (baixo), Paulinho Braga (bateria), Jacques Morelenbaum (cello), Ana Lontra Jobim (coro), Elizabeth Jobim (coro), Maucha Adnet (coro), Paula Morelenbaum (coro), Simone Caymmi (coro)
1986Compôs a trilha sonora para o filme "Brasa Adormecida", dirigido por Djalma Limonji Batista.
30.abr.1986Tom e Ana casam-se.
1987LP "Passarim".
20.mar.1987Nasce sua quarta filha, Maria Luíza Helena.
mai.1987Início da gravação do LP para a CBPO - Companhia Brasileira de Projetos e Obras.
17.nov.1989Morte de Nilza, mãe de Tom.
07.set.1992Tom Jobim apresenta-se com a Banda Nova no El Auditorio de la Cartuja, em Sevilla, Espanha.
11.set.1992Tom Jobim e a Nova Banda apresentam-se no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, Portugal.
1993Grava um especial com Milton Nascimento para a TV Bandeirantes.
1994CD "Antonio Brasileiro".
abr.1994Apresenta-se no Carnegie Hall, com Pat Metheny e Herbie Hancock.
mai.1994Viaja para Paris com Gilda Mattoso. Alguns dias depois, apresenta-se com sua banda em Jerusalém.
out.1994Tom Jobim e Paulo Jobim participam da gravação da faixa Fly Me To The Moon, do CD Duets II, com Frank Sinatra.
08.dez.1994Morte de Tom Jobim, aos 67 anos, no Hospital Mount Sinai, em New York.
1995Lançado em caixa com 2 CDs, com o título de "Tom Jobim - Inédito", os 2 discos originalmente feitos para a CBPO em 1987.
28.nov.1996Lançamento da biografia "Um Homem Iluminado", de Helena Jobim.
1997Encenação extremamente bem sucedida da peça teatral Orfeu da Conceição, de Vinicius de Moraes. Foi pena que a temporada em São Paulo, onde se apresentou no Teatro Paulo Eiró, da prefeitura, foi curta e só naquele espaço de bairro. A direção de Aroldo Costa contornou os problemas com grande eficiência, sem grande valorização do texto, falado ao mesmo tempo em que os atores faziam movimentos de dança, como numa coreografia. Era um grupo com muitos atores negros entre os quais Ruth de Souza e poucos atores brancos, entre os quais Elke Maravilha. Funcionou, mesmo com uma réplica do cenário original de Oscar Niemeyer de tantos anos antes.
(trecho de análise crítica de Orfeu da Conceição, por Maria Lúcia Candeias)
fev.1997Lançado pelo selo Revivendo, de Curitiba, Paraná, o CD "Meus primeiros passos e compassos", com as primeiras gravações de músicas de Tom Jobim.
dez.1997Lançamento do livro "Antonio Carlos Jobim - uma biografia", por Sérgio Cabral.
jun.1998Lançamento pelo selo MoviePlay da edição em CD do LP "Canção do Amor Demais", cantado por Elizete Cardoso. A gravação original é de 1958.
21.jul.1998João Francisco, o primeiro filho de Tom e Ana Jobim (terceiro dos quatro filhos de Tom), morre aos 18 anos no Rio de Janeiro, em acidente quando dirigia um carro que ganhara de presente de sua mãe uma semana antes.
mai.2000"Raros Compassos" é o nome da caixa com três CDs com músicas do início da carreira de Tom Jobim. Vários intérpretes. Gravadora Revivendo, Curitiba, Paraná.
ago.2000Lançamento do CD "Tom Canta Vinicius", gravação ao vivo de show no Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro, em janeiro de 1990.
dez.2000Lançado no Brasil o primeiro volume do Cancioneiro Jobim, coleção de livros com partituras de músicas de Tom, fotos, e biografia.
12.jan.2001Morrem Luiz Bonfá e Adhemar Ferreira da Silva.
Bonfá, compositor e violonista, foi parceiro de Tom Jobim, e autor do sucesso mundial Manhã de Carnaval, em parceria com Antonio Maria.
Adhemar, bi-campeão olímpico, participou como ator figurante na peça Orfeu da Conceição, na qual Bonfá foi o violonista da orquestra.
25.jan.2001Canção de Tom sobre São Paulo é mostrada ao público pela primeira vez em um comercial de TV do Morumbi Shopping.
Tom gravou "Te amo São Paulo" com a Banda Nova, em 1992, já com a intenção de vendê-la para publicidade. Desde então sigilosamente guardada em uma produtora de S. Paulo, a canção finalmente entra no ar nesta data, quando Tom completaria 74 anos, e também data do 447º aniversário da cidade de S. Paulo.
jun.2001Falecimento de Tião Neto, excelente contrabaixista que durante anos fez parte da Banda Nova de Antonio Carlos Jobim.
10.jun.2001João Gilberto faz 70 anos.
25.ago.2001Show no teatro do Sesc Pompéia, em São Paulo, em homenagem ao maestro Leo Peracchi. O compositor paulista Eduardo Gudin, por uma casualidade, soube que a cantora Miriam Peracchi, filha de Leo, tinha as partituras originais dos arranjos do maestro para o LP "Por toda minha vida", com a soprano Lenita Bruno. O disco foi lançado em 1959 com canções de Tom e Vinicius.

Gudin então idealizou o show, em que sete cantoras de S. Paulo interpretam as músicas do LP, com acompanhamento da orquestra Jazz Sinfônica. O show foi realizado nos dias 25 e 26, sob o patrocínio do Sesc de S. Paulo, com direção musical de Luiz Roberto Oliveira, e direção geral de Eduardo Gudin.

17.out.2001Nas trilhas do Tom - música, poesia, natureza
Exposição no shopping Rio Design Barra, ocupando uma área de 5000 metros quadrados, sobre a obra e a vida de Tom. Instalação audiovisual com depoimentos, vídeos de shows, manuscritos, arquivos sonoros - muitos dos quais gravados por Tom em sua própria casa - e desenhos do próprio punho de Tom. A exposição ficou aberta ao público até janeiro de 2002.
11.abr.2002Música, Poesia e Natureza: Exposição com músicas, fotos e vídeos de Tom no Sesc Vila Mariana, em S. Paulo, de 11 de abril a 12 de maio de 2002.
22.abr.2002Entra no ar o site oficial de Antonio Carlos Jobim.
09.dez.2002Jobim Sinfônico: peças e arranjos orquestrais de Tom Jobim e colaboradores são apresentadas pela Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, sob a regência de Roberto Minczuk, na Sala São Paulo, em São Paulo, SP. Concepção e direção geral de Mario Adnet e Paulo Jobim. Alguns cantores e músicos convidados juntaram-se à Osesp nos concertos realizados em 9 e 11 de novembro, como Milton Nascimento, Maucha Adnet, Muiza Adnet, Nailor Proveta, Benjamim Taubkin, e outros. Os concertos foram gravados para edição de CD e DVD, que estarão à disposição do público no primeiro semestre de 2003.
Leia também: Tom Jobim e seus maestros e o programa dos concertos.

Home Page | Colaborações | Músicas & Letras | Discografia | Partituras | Publicações | Onde comprar | Cronologia | Album de Retratos | Links | Créditos | Fale conosco